..:: ALAGO - Associação dos Municípios do Lago de Furnas ::..
Navegue Pelo Lago
Mapa
Notícias
Saneamento
Eventos e Fotos
Vídeos
Legislação

Hotéis
Pousadas
Agência de Turismo
Buscar por Cidade

Apresentação
Lago de Furnas
Boletim Informativo

REVISTA DO LAGO - 1° EDIÇÃO

SANEAMENTO

Diagnóstico de Saneamento

O Diagnóstico das Condições de Saneamento Ambiental no Entorno do Reservatório de Furnas é uma das ações resultantes do Diálogo de Concertação para o Desenvolvimento Sustentável do Lago de Furnas, iniciado em dezembro de 2003, sendo implementado e coordenado pela Secretaria Geral e pela Secretaria do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social - SEDES, ambas da Presidência da República.

O diagnóstico foi coordenado pela Associação dos Municípios do Lago de Furnas - ALAGO, realizado pelo Fórum das Instituições de Ensino Pesquisa e Extensão para a Revitalização do Lago de Furnas - FÓRUM-Lago, supervisionado pelo Ministério das Cidades e financiado por Furnas Centrais Elétricas.

O gerenciamento administrativo-financeiro do projeto ficou a cargo da Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão – FAEPE, com sede na Universidade Federal de Lavras – UFLA. A Universidade Federal de Itajubá – UNIFEI e a Universidade José do Rosário Vellano – UNIFENAS atuaram em conjunto na coordenação das equipes.

O objetivo foi diagnosticar as condições atuais dos sistemas de abastecimento de água, esgotamento sanitário, drenagem de águas pluviais e manejo de resíduos sólidos dos municípios localizados no entorno do Reservatório de Furnas, além de elaborar um prognóstico das ações necessárias para resolução de problemas e estimativas de investimentos para os próximos 30 anos e apresentar a avaliação de cenários para a organização da gestão e da prestação integrada dos serviços públicos.

O diagnóstico e demais estudos foram elaborados através de pesquisas e visitas técnicas às 52 cidades e 46 distritos da região do Reservatório de Furnas. O trabalho foi realizado por uma equipe composta por profissionais indicados pelo FÓRUM-Lago.

Os municípios integrantes do diagnóstico são: Aguanil, Alfenas, Alpinópolis, Alterosa, Areado, Boa Esperança, Botelhos, Cabo Verde, Camacho, Campestre, Campo Belo, Campo do Meio, Campos Gerais, Cana Verde, Candeias, Capitólio, Carmo do Rio Claro, Conceição da Aparecida, Congonhal, Coqueiral, Córrego Fundo, Cristais, Divisa Nova, Elói Mendes, Espírito Santo do Dourado, Fama, Formiga, Guapé, Guaxupé, Ilicínea, Ipuiúna, Itapecerica, Juruaia, Lavras, Machado, Monte Belo, Muzambinho, Nepomuceno, Nova Resende, Paraguaçu, Perdões, Pimenta, Piumhí, Poço Fundo, Ribeirão Vermelho, Santana da Vargem, São João Batista do Glória, São José da Barra, Serrania, Três Pontas, Vargem Bonita e Varginha.